O sexo saudável e de qualidade para o casal é quando ambos os parceiros o realizam com prazer e felicidade. Quando uma pessoa faz sexo sem vontade e sem prazer por um longo período ela ocasiona para seu corpo alterações na estrutura muscular do períneo. Já no seu emocional haverá mudanças na vontade de fazer sexo, com diminuição no desejo sexual. Há algumas atitudes na mulher e no seu envolvimento sexual que interfere na vontade e no desempenho sexual do homem. Como consequência ele não estimula-a de forma adequada, algumas vezes sente-se rejeitado sexualmente pela parceira, não conhece o corpo dela para estimulá-la adequadamente para ter prazer e afasta-se sexualmente dela. Na vida sexual do casal é necessário o equilíbrio entre a vontade e frequência desejada para ambas as partes, assim como um proporcionar para o outro excitação e prazer durante as preliminares, deste modo o casal terá uma sexualidade saudável. As principais queixas deles Atitudes das mulheres interferem no comportamento sexual deles, desde o modo como eles realizam os estímulos durante as preliminares, até o desejo, ereção e ejaculação.

Entre as queixas, as principais são:

1- Higiene – eles relatam que a falta de higiene e mal cheiro afeta o desejo e ereção.

2- Falta de depilação na região de vulva – eles afirmam que excessos de pelos diminui a vontade de fazer sexo oral.

3- Não diz o que gosta no sexo – os homens não sabem tudo sobre sexo, muitas vezes deixam de estimular a mulher de forma adequada porque não sabem como fazer os estímulos apropriados.

4- Falta de iniciativa – eles querem sentir desejados.

5- Desculpas para não transar – Eles relatam que as desculpas para não fazer sexo faz com que percam a vontade de fazê-lo com o tempo, pois sentem-se rejeitados.

A mais importante das queixas citadas acima é que as mulheres não dizem o que gostam no sexo. Muitas vezes o homem estimula a mulher e acredita que suas atitudes sexuais estão satisfatórias para ela, não sendo necessário iniciativa de mudanças e novos estímulos. Em contrapartida, ela sente-se insatisfeita e infeliz com a vida sexual do casal, mas não relata suas preferências para haver mudanças no comportamento sexual do casal e tornar a intimidade prazerosa e feliz. Dicas para elas: mulheres procurem conversar com seus parceiros sobre suas preferências e desagrados sexuais. Se o sexo não está bom deve-se buscar mudanças entre o casal e no comportamento sexual dos dois.

Fonte: Hottflowers